Dia 20 Obrigado Teresa

Com esta figura do Covid-19, propulsionou-se a moda dos grupos. Em quantidade há grupos do Facebook, do WhatsApp, de tudo um pouco. Entre amizades, trabalho e escola(s) das filhas, de repente dou por mim com mais de uma dezena de grupos no meu telemóvel. Não contem a ninguém, mas em alguns deles ocultei as notificações. Na sexta-feira passada (hoje é quarta-feira), no meu telemóvel surge (mais) uma notificação em como alguém me adicionou a um grupo chamado “Xiuuu Surpresa para a TES”. Acontece que este não era um grupo qualquer. A primeira mensagem consistia mais ou menos nisto: na próxima videoconferência 100% de adesão pessoal, por sua vez cada um que escreva numa folha o que a TES representa para si. Perante isto, as mensagens começam a cair em catadupa e todos juntos, alinhados, sincronizados, sabíamos como teríamos de agir na próxima segunda-feira.

9.30h da manhã de segunda-feira, cada um desde sua casa, a TES dá conta de um número muito maior de consultores na adesão da sua videoconferência. Diz ela algo assim: ena está tudo cheio de energia para esta semana. Mal ela sabia o que a esperava. Vinte minutos depois de ela ter apresentado o seu power-point sobre “não sei o quê”, na verdade, não prestei atenção a nada do que ela disse (tanto eu como acredito a maior parte dos meus colegas, estávamos mais preocupados com o que vinha a seguir), acontece a surpresa.

Uma entrega de flores em direto e em nome de todos, dezenas de corações revelados por cada um de nós e, naturalmente as lágrimas vieram aos olhos. Não só nos dela.

Teresa Espírito Santo, muito, muito, muito, muito obrigado por ires mais além do teu papel enquanto profissional. Também a ti, profundamente grato do coração.

Junte-se à discussão

Compare as listagens

Comparar