Dia 539 O bacalhau do nosso cliente

Entre outubro de 2019 e outubro de 2020, a Equipa CS esteve a promover uma casa no concelho de Vila Nova de Gaia. Não foi nada fácil encontrar “o comprador”, mas em fevereiro de 2021 lá fizemos a escritura. 16 meses de processo: nada mau!

Há dois dias fiz uma chamada telefónica a nosso cliente que a vendeu. — Olá, José! Como está? — Após a resposta de que estava tudo bem… — Estou a ligar-lhe porque lhe quero cobrar o bacalhau que me deve, recorda-se?

Não devo nada Cláudio, o bacalhau era devido se me vendesse a casa até ao Natal, e recordo-me que era Jumbo. — Como bom negociante que é, eu sabia que estava tramado.

Já agora, qual foi o maior bacalhau que vendeu até hoje? — Contextualizando, este cliente vende bacalhaus.

No último Natal vendi um com mais de 10 kgs. — Respondeu ele como se vendesse muitos assim.

E quanto custa um bacalhau desses? — Curioso lá perguntei.

14€ o quilo, é só fazer contas… — Lá está, fiquei a saber que há bacalhaus que custam cerca de 150€.

José, na verdade não lhe liguei para lhe cobrar o bacalhau, mas sim porque ouvi dizer que hoje é um dia muito especial para si. — De repente, caiu-lhe tudo… pois ele estava a pensar que lhe estava mesmo a cobrar o bacalhau. — Sabe José, este telefonema é uma forma simbólica de lhe agradecer a confiança que depositou no nosso serviço. Muito obrigado, uma vez mais, e, como não poderia faltar, os meus Parabéns.

(No âmbito da sistematização dos procedimentos da Equipa CS, a Sofia Rangel, Assistente Administrativa da equipa, há umas semanas inseriu na minha agenda muitos dos aniversários dos nossos clientes.)

Compare as listagens

Comparar