Dia 674 Reservada Casa T3+1 em Valadares, Vila Nova de Gaia

Imagino que uma das maiores satisfações que um Escultor pode ter, é o de pegar num grande bloco de pedra e transformá-la numa obra de arte.

Enquanto Consultor Imobiliário, às vezes, dou por mim a “ser Escultor”. Não que transforme um bloco de pedra na referida obra de arte, longe disso, mas porque no âmbito da angariação de imóveis para vender, o ato do “partir pedra” tem sido uma das práticas mais frequentes. Se soubessem a pedra que já parti desde o momento que iniciei este caminho no Imobiliário… adiante…

Vejamos este exemplo: Era uma vez uma casa pintada de verde. A casa tinha 4 frentes, e um espaço exterior em redor. Era uma casa com dois baloiços, e a praia distava apenas 400 metros. Um dia, o dono da casa, tomou a iniciativa de a colocar à venda. E eu soube…

Seria possível ver a casa? – Por telefone, perguntei ao vendedor. Ele concedeu.

Depois de conversarmos um pouco, recordo-me como se fosse hoje, ele disse-me isto: – Cláudio, por 6 meses, vou experimentar a exclusividade consigo.

Voltando às satisfações, uma das maiores que um Consultor Imobiliário pode ter, é o de sentir o reconhecimento do nosso cliente. Compreendamos que neste caso, o nosso cliente fez uma aposta numa pessoa estranha e desconhecida.

Ontem, 3 meses depois de a Equipa CS ZOME colocar a casa à venda, arranjámos-lhe o comprador. Ele ganhou a aposta, e sinto-o muito contente. Fruto desse contentamento, informou-me, entusiasmado, que tem um amigo que pretende vender uma casa… e que casa…

Um passo de cada vez, mas se se proporcionar a minha visita à casa do amigo, vou recomendado, logo as vestes de Escultor ficarão por casa.

Compare as listagens

Comparar